Café com Cultura apresenta: Bruno Félix – “Fragmentos em Blues e Poesia”

Neste sábado, dia 30, estarei na Casa da Cultura de São Sebastião do Paraíso/MG falando um pouco sobre minha música e poesia, das 19:45h às 21h. A Casa da Cultura fica na antiga Estação Ferroviária Mogiana (Avenida Oliveira Rezende), patrimônio histórico e um dos lugares mais charmosos da cidade de São Sebastião do Paraíso.
O evento Café com Cultura é de entrada franca e livre para todos os públicos.
Nos vemos lá!
12632805_935158559901845_2080774809_o

Ponto. Agora, mais trabalho.

       Ontem à noite, coloquei o ponto final no meu segundo livro. Na verdade, esse era para ser meu terceiro livro, pois, de acordo com meus planos, meu segundo livro seria de poesias novamente: “As Prodigiosas Maravilhas do Século XXI” -um projeto um tanto quanto audacioso. Tão audacioso que vai ficar para um futuro breve, mas prometo concluí-lo ainda nesse século!

        Voltando ao assunto do ponto final, quem me dera fosse tão simples assim! Agora é hora de mais trabalho: revisão, edição, contrato, capa, etc etc. Espero conseguir conciliar tudo e continuar publicando mais poemas por aqui (digo, com maior frequência) e ainda arranjar um tempo extra para sacudir a poeira da minha Stratocaster e subir novamente em alguns palcos.

WP_20160121_13_13_37_Pro

Soneto de devoção

3295693602_faf2a1b0da

 

 

 

 

 

O amor que te devoto
É quase sempre um desatino
Com pureza de garoto
E um fogo libertino

Tem tempero mexicano
E um toque clandestino
Maturado ano a ano
Fermentado em bom tanino

Tipo um predador que ronda
Tipo a fé de um palestino
Certo como mar e onda

Certo como o meu destino
Minha vida é uma milonga
Tu, meu tango argentino

 

Apelo

Hoje fui testar o novo velho equipamento que promete me acompanharWP_20160101_13_42_52_Pro em 2016, uma Olivetti Lettera 32, toda original (link na foto ao lado) e, para minha surpresa, acabei começando o ano com um poema/apelo. Achei justo guardar o poema (e por que não publicá-lo aqui?), por ser um pedido honesto, talvez cabeludo, mas nunca descabido. Sem mais delongas, segue o texto com meus mais sinceros votos de um Feliz Ano Novo!

WP_20160101_13_44_08_Pro